You are hereBlogs / py2zy's blog / PICO DA BANDEIRA - PREPARANDO PARA MONTANHA

PICO DA BANDEIRA - PREPARANDO PARA MONTANHA


Porpy2zy - Enviado em 04 March 2008

Ao contrario que muitas pessoas pensam, operar uma dx expedição quer em qualquer modalidade não é tão simples. Pode ser simples para apenas dizer ( estive ali, operei por lá ). Essa é minha primeira expedição em equipe, dentre brincadeiras que fiz ( subida com antenas em balões 1992, serra da cantareira ( mata fria ) em acampamento selvagem, pedra do bau, campos dos jordão ( essa foi de amargar, 1.950m de altitude em subida de 300m em um paredão, a mochila de 20k se transforma em 50k a partir de meia hora de subida). Cada passo é um obstaculo, fizemos uma subida noturna, não se via fontes de água, tinha que se contentar com que tinha no cantil, Mais pico da bandeira sempre esteve em minha mente. Em um desses bate papos pelo msn, com nosso amigo py1zv Fabio, mensionei a ideia. Como o proprio Fabio é fiel a sua equipe sujeriu o pessoal do espirito santo que ja esteve na área. Contatei outros amigos de São Paulo que gostariam de participar, mais na verdade o fator IR ... CHEGAR... não é ponto culminante em uma expedição para definir o susesso ou não. Claro que as vezes mesmo com todo um planejamento não teremos um sucesso garantido, principalmente se tratando de VHF, a coisa fica mais critica ainda. Vi muitos amigos planejarem expedições em ilhas, paises, e morros... Mais o que percebo realmente que não existe um estudo aprofundado de propagação, tipo de antenas para determinadas operações em frequências destintas. E épocas para um número de contatos maior. Muitas vezes a simplicidade da muito mais resultado. Apesar desta expedição que estamos armando estar classificada como parcialmente grande, aos poucos o pessoal esta vendo que não se trata de muito equipamento, mais muito planejamento. Até o momento estou no aguardo da permissão fundamental mais não vital( IBAMA ), muito dificil por sinal, de tanta gente que ja falei que so resta agora aguardar. Pois o intuito é uma operação full time, não só para contatos, mais para mapear todos horarios interessantes, tropo, tep, esporadicas e sei lá o que pode aparecer. Antenas longas proximas ao veiculo são otimas, mais longe deles subindo com tudo nas costas é suicidio. Treinamento fisico, bom nem se fala. Ja passei a noite a dois mil metros na pedra do bau -2 graus você fica contanto os minutos passarem, uma hora são dez, o condicionamento fisico é importantissimo. Você chega menos cansado, não tem hipotermia, ( quando a temperatura do corpo cai rapidamente ) a acidez sanguinea estando alta prejudica tambem com frio vem caimbras que vocês não imaginam. Estou falando em fazer cerca de 15 km sendo 5 de subida pura com 20kg de equipamentos, água racionada, frio intenso. Podem achar loucura mais tudo isso com treinamento conciênte não é loucura. Depois vem a escolha da alimentação ( sem sal ou açucar artificial, energética) e ainda sem mudar muito as coisas, pois uma diaréia é comum com excessos, ai se perde liquido e the end. Frutose é excencial pó soluvel, facil digestão, e também uvas passas para garantir o equilibrio da musculatura. Quando se começa a beber muita aguá, chegou a hora de parar tudo, olhar para traz. E deixar para a proxima vez, a vida é uma só. As antenas a meu ver são facas de 2 gumes, muito estreita você vai ter que caçar contatos, somente skeds são a previsão, mais a emoção dos novos é o objetivo. Uma antena vertical, e uma direcional 7 elementos resolve o problema. Operei com uma 3 elementos no pico de itapeva 2.034, era uma de 7 elementos após o vento impresionante que vi, so aproveitei 3 elementos após se transformar em um garfo no muro, e com 30w roe 3.0 foi possível fazer 630km rancho queimado, então realmente quem deve estar com antenas boas é quem esta caçando você, pois é a unica dificuldade que eles terão pela frente. Estamos em andamento pouco a pouco, ja se foi primeira reunião, produtiva mais ainda muito pouco. Nossos amigos capichabas ja mapearam toda área, parabéns pelo empenho deles, estamos seguindo com testes de antenas, com certeza minha drenalina não esta em 2 metros somente, mais na banda mágica 6 metros. Em 2.890 metros, digamos 2.900 contando com torre de 10 metros, vai ser uma experiência incrivel. Não pretendo abandonar o barco, mesmo sem a bendita licença de acampamento que seria mais confortavel, não vai mudar muito as coisas, ja estamos planejanto até uma lona superficial para proteção da chuva e frio, o suficiente para ligar o rádio e mandar ver, pois os horários interessantes são anoite e ao amanhecer justamente onde a temperatura é crítica mais nessas variações vem as tropos, e as possíveis bolhas de TEP durante anoite. Espero ter passado um pouco das minhas esperiências, e de certa forma dizer tambem, montanha tem que ser respeitada, lembrando sempre que na natureza deixamos somente pegadas, tiramos somente fotos, e levamos lembranças. Proximas noticias mais concretas a respeito da expedição.

Muito legal o vídeo feito no topo no pico da bandeira, é sempre bom termos registro de tudo de impressionante que fazemos. Melhor do que a memória também é poder relembrar "graficamente" do ocorrido. Tenho um amigo que fez uma viagem ao Chile com um clio 1.0 partindo de Curitiba, não lembro o nome do site que eles colocaram o vídeo mais vou perguntar e logo posto pra galera conferir...
Um Abraço
Álvaro

Enviar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido publicamente.
CAPTCHA
A questão a seguir é para validar se você é um ser humano ou um computador.
Image CAPTCHA
Digite o que está escrito na imagem acima.

. .

ATENÇÃO: O conteúdo dos blogs é de inteira responsabilidade de seus autores e pode não expressar a opinião e posição do Rio DX Group.

Pesquisar

Navegação

Tags para este blog

    Blog sem tags

    Quem está online

    No momento há 1 usuário e 87 visitantes online.

    Novos usuários do site

    • PU7ASG
    • PY2ALC
    • PY9GC
    • py4vg
    • PY4DY

    Divulgar

    Conteúdo sindicalizado